top of page
  • Foto do escritorAmanda Karine

Como conquistar clientes no digital

Inicialmente, você precisa aparecer, ser visto. Como as pessoas vão comprar de você se nunca ouviram falar na sua marca? Invista em ter um site bem otimizado, que se destaque nas pesquisas do Google. Se você tem um endereço físico, cadastre-se no Google Maps e, independente do tipo de negócio, faça a conciliação com o Google Meu Negócio. Nas redes sociais, invista em tráfego pago. O alcance orgânico geralmente é baixo, o ideal é criar anúncios estratégicos para atingir a audiência certa.


Além de aparecer, você precisa despertar interesse. Precisa receber um clique e transformar um desconhecido em um visitante. Ofereça materiais ricos, como ebooks, webinars, templates e checklists que agreguem valor para o público. Isso geralmente é feito por meio de uma landing page, onde o usuário deve preencher seus dados para baixar o material, mas pode ser feito de várias outras formas, inclusive dentro das redes sociais.


A partir do momento que aquele visitante, além de se interessar pela sua marca, demonstrar interesse também pelos seus produtos ou serviços, ele passa a ser considerado um lead - e o ideal é que você mantenha um banco de leads com os dados de contato que forem disponibilizados, mas atenção ao respeito da privacidade! Sua marca pode ir ladeira abaixo se começar a incomodar seus leads.

Crie engajamento com seu público alvo e fortaleça a relação de troca entre vocês. Ao conversar diretamente com a sua audiência, é possível entender melhor suas dores e necessidades e, com isso, você pode tomar decisões estratégicas remodelando todo o seu planejamento de marketing. Lembre-se sempre de atender à uma demanda, ser útil e curar uma dor.


A conversão final a cliente acontece quando você efetivamente vende. E é fundamental não negligenciar esse público porque, ao final da venda, ele pode passar a funcionar também como marketing: o famoso boca-a-boca. Cliente satisfeito e que se sente reconhecido, indica e vende por você. Faça ações específicas para o seu banco de clientes, agrade-os e faça-os se sentir especiais, afinal, “se uma marca sempre se lembra de mim, sempre vou me lembrar dela”.


Em suma, planejamento estratégico de marketing digital é muito mais do que postagens de conteúdo aleatórias. Por mais que você entregue conteúdo de qualidade, ele precisa servir a um propósito: o crescimento do seu negócio.


4 visualizações0 comentário
bottom of page